terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Pos Projeto


Bom,

Este assunto é um pouco delicado mas vamos lá.
Como preparar a equipe que irá assumir a manutenção do projeto?
Sabe toda aquela documentação de projeto, que você fez e que deve estar "Atualizada", diagramas de sequência, atividade, UML, test Cases...
Será que uma equipe com 7 a 8 que participaram no projeto irão compilar informações utéis para um equipe reduzida de 1 ou 2 analistas para darem suporte a nova aplicação e fazerem as futuras customizações?

Hum complicado, a passagem de bastão não é algo fácil e as mentes recem frescas da entrega do projeto, precisam urgentemente de férias para recuperar o ânimo, ou se não já partem para outro projeto que está iniciando.

Então como fazer? Você acredita que a dinâmica de projeto é diferente estabilidade de manutenção?

Que ponto você pode dar um projeto como aceito, para iniciar a manutenção? Quanto tempo um sistema grande tem que rodar em produção estar estável até que outra equipe assuma com segurança?


A resposta é simples. Não é fácil, é dolorido e por isto que te pagam.

A manutenção de uma ferramenta nova além de ser obscura, ainda requer muitos ajustes porque o aplicativo não foi testado em produção 100% e existem processos de negócios que são mensagem, trimenstrais, semanais, anuais...

A base de dados que se comportava bem com 100.000 mil registros irá sofrer com 14 a 15 milhões de registros.

Usuários simultâneos, problemas de TimeZone se sua aplicação roda em todo mundo.
Bom o projeto pode ter sido um sucesso. Pois ser cumpriu o que era esperado.
Mas será se o aplicativo, solução terá um equipe de manutenção a altura?

Eis o que pensar.

Agora é o momento de você fazer um WorkShadow, coloque pessoas diferentes do projeto para passarem o documentos, automatizar rotinas de monitoramento.
Documentar como manter a aplicação.

A tecnologia, telas conceitos como foram feitos é importante, mas não é muito prática no dia dia.

Documente módulos, regras de négócios, como realizar operações de negócio, as rotinas que são críticas, mensais, diárias.


Não se precipe, manter um produto e deixá-lo estável, é tão importante quando implantar um "Abacaxi" mal aparado.
Postar um comentário